Um livro-bailarino em encadernação sanfonada. Os poemas sempre aparecem centralizados na mancha gráfica, deixando a encargo dos versos o sibilar pelas páginas. Aqui a dança é posta como figura de enfrentamento aos esmagamentos do status quo, sendo canal de vazão para a sanidade mental coletiva.

• capa dura de chipboard 950g com papel colorplus tokyo 80g • encadernação artesanal sanfonada • miolo em papel avena 80.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
É sempre trôpega a última dança de um salão esvaziado
Autor: Fred Caju
Editora: Castanha Mecânica
ISBN: 978-65-86447-03-3
Idioma: Português
Altura: 14,8 cm
Largura: 10,5 cm
Edição: 2ª
Ano de lançamento: 2020
Número de páginas: 25

Clique neste link para conhecer o prazo de entrega e outros detalhes da Banca Tatuí.

É sempre trôpega a última dança de um salão esvaziado

R$30,00
Esgotado
É sempre trôpega a última dança de um salão esvaziado R$30,00

Um livro-bailarino em encadernação sanfonada. Os poemas sempre aparecem centralizados na mancha gráfica, deixando a encargo dos versos o sibilar pelas páginas. Aqui a dança é posta como figura de enfrentamento aos esmagamentos do status quo, sendo canal de vazão para a sanidade mental coletiva.

• capa dura de chipboard 950g com papel colorplus tokyo 80g • encadernação artesanal sanfonada • miolo em papel avena 80.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
É sempre trôpega a última dança de um salão esvaziado
Autor: Fred Caju
Editora: Castanha Mecânica
ISBN: 978-65-86447-03-3
Idioma: Português
Altura: 14,8 cm
Largura: 10,5 cm
Edição: 2ª
Ano de lançamento: 2020
Número de páginas: 25

Clique neste link para conhecer o prazo de entrega e outros detalhes da Banca Tatuí.