Um pequeno romance sobre os abismos entre familiares próximos e países vizinhos: as pontes que não construímos, os mal entendidos que vemos serem nutridos aos poucos, as memórias criadas, sublimadas ou dominadas pelas impressões. E aqueles reiterados silêncios. Como lembra Eduardo Halfon, “Hacer literatura es el arte de manipular el recuerdo” (Biblioteca Bizarra).

Ania, filha única e órfã de mãe desde que era bem pequena, já não tão jovem e há muito deslocada na família, na profissão e nos relacionamentos, aceita representar seu pai e assistir um primo moribundo no interior da Argentina, onde costumava passar os verões de sua infância. Uma visita burocrática, um favor feito a contragosto que a coloca em uma espiral febril de lembranças e pertencimento, entremeados por fotos antigas, citações de leituras, documentos oficiais e exercícios de datilografia.

Ao presenciar o enterro do primo, Ania revive sentimentos e histórias, nacionais e pessoais, suas e de seus familiares, repressões paternas e governamentais, insucessos transmitidos de geração a geração, resgates impossíveis e entendimentos desnecessariamente adiados.

Bastará uma temporada para resgatar um pai, uma origem e remendar toda uma vida posterior?

Texto da orelha de Silvia Naschenveng.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
Sistema do tato
Autora: Alejandra Costamagna
Tradutora: Mariana Sanchez
Editora: Moinhos
ISBN: 978-65-990590-7-0
Idioma: Português
Altura: 21 cm
Largura: 14 cm
Edição: 1ª
Ano de lançamento: 2020
Número de páginas: 144

Clique neste link para conhecer o prazo de entrega e outros detalhes da Banca Tatuí.

Sistema do tato

R$50,00 R$45,00
Sistema do tato R$45,00
Entregas para o CEP:

Meios de envio

  • Sala Tatuí Por causa da pandemia do coronavírus, a Banca Tatuí está fechada. De toda forma, pedidos podem ser retirados na Sala Tatuí, que fica em frente à Banca Tatuí, na Santa Cecília, de segunda a sexta-feira. Após a confirmação do pagamento, aguarde nosso contato.

    Grátis

Um pequeno romance sobre os abismos entre familiares próximos e países vizinhos: as pontes que não construímos, os mal entendidos que vemos serem nutridos aos poucos, as memórias criadas, sublimadas ou dominadas pelas impressões. E aqueles reiterados silêncios. Como lembra Eduardo Halfon, “Hacer literatura es el arte de manipular el recuerdo” (Biblioteca Bizarra).

Ania, filha única e órfã de mãe desde que era bem pequena, já não tão jovem e há muito deslocada na família, na profissão e nos relacionamentos, aceita representar seu pai e assistir um primo moribundo no interior da Argentina, onde costumava passar os verões de sua infância. Uma visita burocrática, um favor feito a contragosto que a coloca em uma espiral febril de lembranças e pertencimento, entremeados por fotos antigas, citações de leituras, documentos oficiais e exercícios de datilografia.

Ao presenciar o enterro do primo, Ania revive sentimentos e histórias, nacionais e pessoais, suas e de seus familiares, repressões paternas e governamentais, insucessos transmitidos de geração a geração, resgates impossíveis e entendimentos desnecessariamente adiados.

Bastará uma temporada para resgatar um pai, uma origem e remendar toda uma vida posterior?

Texto da orelha de Silvia Naschenveng.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
Sistema do tato
Autora: Alejandra Costamagna
Tradutora: Mariana Sanchez
Editora: Moinhos
ISBN: 978-65-990590-7-0
Idioma: Português
Altura: 21 cm
Largura: 14 cm
Edição: 1ª
Ano de lançamento: 2020
Número de páginas: 144

Clique neste link para conhecer o prazo de entrega e outros detalhes da Banca Tatuí.