“Sabíamos que estávamos doentes. Todos os cinco. O primogênito, eu, minha gêmea, a caçula e o macaco. Tossíamos o tempo todo, não sentíamos fome, nos cansávamos facilmente. Sabíamos havia muito tempo. Desde antes de o outro morrer. Desde antes de o outro chegar. O outro apareceu um dia, do nada e, algumas semanas depois, morreu; passava quase que o tempo todo deitado à sombra da árvore; quando levávamos alguma coisa para ele comer, ele comia, mas quando não levávamos, não dava sinal algum de se importar. Às vezes levávamos comida para ele quando já estava bastante escuro, porque durante o dia não conseguíramos arranjar tempo, o trabalho era muito –ou, ao menos, assim nos parecia; alguns dias simplesmente nos esquecíamos, todos nós, nenhum lembrava de levar algo para o outro. Quando um de nós lembrava parava o que estivesse fazendo e ia o mais rápido possível. Nem tanto. Nossa falta de apetite contribuía para que nos esque-cêssemos de alimentar o outro. Como poderíamos lembrar de alimentar o outro, sendo que, uma vez que não sentíamos fome, não pensávamos em alimento?”

O livro ESTADO de Eder Rodrigues teve seu miolo impresso através de uma técnica de transferência de fotocópia utilizando thinner. Por conta disso, muitas cópias ficaram total ou parcialmente ilegíveis. O ANEXO que acompanha o livro contém o texto integral da obra.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
ESTADO
Autor: Eder Rodrigues
Editora: Oficina do Prelo | Cozinha Experimental
Idioma: Português
Altura: 9,5 cm
Largura: 16 cm
Edição: 1ª
Ano de lançamento: 2020
Número de páginas: 32

Clique neste link para conhecer o prazo de entrega e outros detalhes da Banca Tatuí

ESTADO

R$35,00
ESTADO R$35,00
Entregas para o CEP:

Meios de envio

  • Sala Tatuí Por causa da pandemia do coronavírus, a Banca Tatuí está fechada. De toda forma, pedidos podem ser retirados na Sala Tatuí, que fica em frente à Banca Tatuí, na Santa Cecília, de segunda a sexta-feira. Após a confirmação do pagamento, aguarde nosso contato.

    Grátis

“Sabíamos que estávamos doentes. Todos os cinco. O primogênito, eu, minha gêmea, a caçula e o macaco. Tossíamos o tempo todo, não sentíamos fome, nos cansávamos facilmente. Sabíamos havia muito tempo. Desde antes de o outro morrer. Desde antes de o outro chegar. O outro apareceu um dia, do nada e, algumas semanas depois, morreu; passava quase que o tempo todo deitado à sombra da árvore; quando levávamos alguma coisa para ele comer, ele comia, mas quando não levávamos, não dava sinal algum de se importar. Às vezes levávamos comida para ele quando já estava bastante escuro, porque durante o dia não conseguíramos arranjar tempo, o trabalho era muito –ou, ao menos, assim nos parecia; alguns dias simplesmente nos esquecíamos, todos nós, nenhum lembrava de levar algo para o outro. Quando um de nós lembrava parava o que estivesse fazendo e ia o mais rápido possível. Nem tanto. Nossa falta de apetite contribuía para que nos esque-cêssemos de alimentar o outro. Como poderíamos lembrar de alimentar o outro, sendo que, uma vez que não sentíamos fome, não pensávamos em alimento?”

O livro ESTADO de Eder Rodrigues teve seu miolo impresso através de uma técnica de transferência de fotocópia utilizando thinner. Por conta disso, muitas cópias ficaram total ou parcialmente ilegíveis. O ANEXO que acompanha o livro contém o texto integral da obra.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS
ESTADO
Autor: Eder Rodrigues
Editora: Oficina do Prelo | Cozinha Experimental
Idioma: Português
Altura: 9,5 cm
Largura: 16 cm
Edição: 1ª
Ano de lançamento: 2020
Número de páginas: 32

Clique neste link para conhecer o prazo de entrega e outros detalhes da Banca Tatuí